Canção para uma valsa lenta

Minha vida não foi um romance …
Nunca tive hoje um segredo até agora.
Se me amas, não digas, que morro
De surpresa … encanto de … de medo …

Minha vida não foi um romance
Minha vida passou por passar
Se não amas, não finjas que vivo,
Esperando um amor para amar.

Minha vida não foi um romance …
Pobre vida … passou sem enredo …
Glória a ti que me enches a vida
De surpresa, de encanto, de medo!

Minha vida não foi um romance …
Ai de mim … Já se ia acabar!
Pobre vida que toda depende
De um sorriso … de um gesto … um olhar …

Mario Quintana

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s